Refluxo

Refluxo - Orientações

INSTRUÇÕES PARA PREVENIR REFLUXO DE ALIMENTOS DO ESTÔMAGO PARA O ESÔFAGO

 O esôfago é um tubo que leva o alimento da boca até o estômago. Muitas pessoas e principalmente crianças abaixo de 2 anos, apresentam a junção do esôfago com o estômago frouxa, permitindo que os alimentos que estão no estômago refluam com freqüência para o esôfago, causando o refluxo gastro-esofágico.

Este é um evento normal, não causando qualquer sintoma em muitas pessoas. Porém em outras principalmente crianças, pode acarretar tosse, chieira e até pneumonia, quando as vias aéreas estão sensíveis e irritadas. Isso pode confundir com alergia, por isso o especialista, alergista ou pneumologista infantil desse ser consultado. 

Para prevenir ou minimizar estes sintomas, as seguintes medidas devem ser tomadas:

  1. Elevar a cabeceira da cama de 30 a 45 graus. Não é suficiente elevar apenas o colchão.
     
  2. Ao contrário do que muitos pensam, o uso da cadeirinha tipo "bebê conforto", não é uma medida  adequada, podendo inclusive piorar o refluxo.
     
  3. Os alimentos administrados à criança devem ser os mais pastosos possíveis. A mamadeira deve ter consistência de uma "vitamina de abacate".
     
  4. Deve se diminuir o volume de cada refeição, evitando que criança fique com estômago muito cheio.
     
  5. Deve se evitar comidas gordurosas, chá, café, e bebidas gasosas, tipo refrigerante.
     
  6. Não deitar pelo menos 30 a 40 minutos após as refeições. Durante este período a criança deve permanecer de pé ou sentada. Não dormir com estômago cheio, principalmente de líquidos.
     
  7. Existe macacão especialmente desenhado para manter a criança na posição correta quando estiver deitada.

Fonte:

Dra. Francisca Rosângela A. Castro

Orientações da Pós Graduação em Alergia e Pneumologia Pediátrica do Hospital Felício Rocho, sob orientação do Dr. Wilson Rocha Filho.